terça-feira, 22 de abril de 2014

Sem descanso...

A vida. Oh belo erro do acaso. Destroçada a cada dia por si só. Decadente a cada década, mais doente a cada geração. Oh dolorosa caminhada pra evolução que alguns seguirão, sem a coroa de espinhos, vivem em paz. Não me faça ter que fazer algo, pois eu só quero dormir, pra sonhar novamente com a minha chuva, com os campos verdes, as montanhas majestosas e todos meus amores...

Oh céus, desgraças virão......Não poderei descansar.......

Nenhum comentário:

Postar um comentário