quarta-feira, 23 de abril de 2014

O mundo sem esperança

  Os anos de conquista e de glória passaram e o mundo vive em plena forma sua era de decadência. Não há esperança, por que existiria ? Vai fazer algo, mortal ? Incrível como as pessoas vivem de esperança, a doce ilusão. Ela não tem base no real, portanto não passa de um mito, mais um da grande coleção que o mundo ostenta. Alguns culpam o governo, alguns culpam deuses, alguns culpam os partidos e no fim, não existem culpados. O problema de um lugar, de qualquer um, é ser habitado pelo Homo Sapiens. Criatura desprezível, engenhosa, perigosa, talvez a que está no topo da cadeia alimentar, por causa da capacidade de adaptação, garantida pela sua inteligência.
  A mesma que conclui que o mundo é incerto, porém isso dói. Magoa o ego do ser que sempre conquistou mares, continentes e até mesmo a lua. E então, ele com sua capacidade cria a esperança. A ilusão de que algo pode acontecer como ele quer, simplesmente por ele querer. Pra fortalecer tal ilusão, criam os deuses, seres com poderes absolutos que o servem, por ele ser "exemplar". Reais (governo, pessoas, autoridades, etc) ou ilusórios (Divindades, ordem universal, poderes e etc), eles movem sua vida aos deuses. Culpam o governo pela decadência cultural, mas nem se quisesse conseguiria isso. Acham que educam idiotas, educariam, se existisse educação por aqui. Culpam o governo por não conseguirem pagar dívidas, mas se não me engano, não é obrigatório ter um celular ultra caro ? É obrigatório gastar milhares com roupas ? Usar cartão de crédito é a única opção de pagamento ? Fazer empréstimos é o que governo obriga ? Enfim, sua desgraça é culpa sua.
  As pessoas não cresceram, ainda apontam o dedo pra culpar alguém. A culpa de tudo estar assim é sua, da sua covardia, da sua fraqueza, de você gostar de infectar todos com a sua doença. E com certeza vai continuar, mesmo eu não gostando. Não estou dizendo isso por achar que algo muda, mas por querer registrar mesmo. Enfim, as pessoas dizem que a culpa são dos jogos, das novelas, dos livros, da tv. Só que não se fabricam idiotas por meio disso. Idiotas são feitos naquele momento primitivo, em que o esperma encontra o útero da mulher fértil. Ele se forma durante a gravidez, é idiota desde nasce. Por não querer se ofender, ou ofender, dizem que a culpa é do ambiente, só que esquecem que o ambiente quem faz é ser vivo. Seres vivos ten essa capacidade. Até o vegetal mais podre faz isso. A culpa dele ser podre agora é da terra que se plantou ? Ele escolheu, sempre teve a escolha, porém escolhe mal, por isso apodrece. Pobre vegetal, levado pela seleção natural.
   Entramos numa incerteza tremenda quando começamos a descobrir o mundo. A ver ele com vários olhos. De várias visões se cria uma. E quando se trata do mundo, nos enchemos de incertezas. Porque o mundo não é simples como as outras coisas. É fácil entender porque chove, mas não porque as pessoas se matam num certo lugar. A dúvida se estabelece, entramos numa espécie de galáxia de milhares de sóis. Todos brilhando e te cegando, e você, como planeta, buscando uma órbita. Eu posso ser um sol, se quiser me seguir tudo bem, só não seja um fanático ou orgulhoso. Enfim, você pode girar pra um sol, ou pode se tornar um sol (não leia de modo literal) e ter o próprio brilho. Claro, alguns nascem assim, outros precisam de mais tempo (tipo a vida toda). A vida com incertezas te movimenta e também assusta. A vantagem é a constante evolução. Ser cético é fácil, ser crítico pode levar uma vida pra alguns (outros nascem com isso)., é difícil e raro. Porque no ceticismo há um louvor quase, à incerteza. Diferente do ceticismo, o criticismo, usa de alguns pontos que não mudam. Tipo o fato da Terra girar em torno do sol, um cético pode até duvidar, mas o crítico busca saber porque isso. Pesquisa mais e se os fatos forem sólidos, acredita.
  O crítico tem a habilidade de adaptação que nos tornou reis desse planeta. Ele pode crescer sempre. Ele pode se adaptar antes dos menos capazes e assim, ter vantagens. Um exemplo é que pode mudar de opnião, quando adcionada uma visão nova sobre o fato. Ele acumula várias dessas e com isso, tem uma visão realista dos fatos, podendo assim ver a melhor posição que pode ficar. É como vender água no calor. O ser crítico é o que traz a evolução, o resto só acompanha e/ou olha.
  Portanto, respeite-o. Se conhecer um crítico, não o atrapalhe, pois ele vai saber como ninguém se vingar. Enquanto o dogmatico ainda usa pedras, o cético não se decide, o crítico já fez uma câmara de tortura. Ele é o mais capaz, portanto o único que pode trazer algum avanço. Enquanto você morre lentamente, esse se levanta na glória. Não há esperança pra você.......

Nenhum comentário:

Postar um comentário