quinta-feira, 27 de março de 2014

Cuidado !! Prazer !!!

  Nunca se deve deixar de sentir um sentimento, nunca. Isso é um erro. Não temos nada, não somos nada, se deixarmos de sentir. É se reduzir a um pedaço de carne devorador de matéria orgânica, não sentir nada. Sentimentos, apesar de serem química apenas, são o que nos fazem humanos. É o que nos mantém vivos. Numa vida sem isso, não há nenhum motivo em continuar. Como já disse num texto antigo, devemos valorizar nossos sentimentos. Até por uma questão de sobrevivência..Uma pessoa que nos faça sentir mal, provavelmente vai nos causar algum dano. Eu por exemplo, não me sinto bem ao ver uma pessoa que se orgulha muito do que tem, porque este vai fazer de tudo para proteger seu orgulho, e vai fazer de forma irracional. Quem se orgulha muito, geralmente não tem nada pra oferecer, tendo apenas o orgulho como felicidade e ele vai defender isso até a morte. Ou seja, torna aquela pessoa numa força irracional.
  Podemos sobreviver com a ajuda dos instintos, como visão, paladar, tato, e etc. Podemos sobreviver através de conhecimentos obtidos através da razão, da experiência e da mistura de ambos. E não devemos esquecer de conhecimentos vindos da filosofia, psicologia e sociologia. Por meio destes temos uma noção de como as outras pessoas vão agir. Apesar de sermos uma espécie social, temos uma tendência de simplesmente matar por qualquer coisa. Também devemos buscar nos entender, buscar uma melhora..Saber das próprias capacidades é grande passo, outro maior é se tornar o que gostaria de ser. E isso mesmo que aconteça, te incentivará a continuar a melhorar. E outra forma de se conseguir sobreviver é atraves dos sentimentos. Um desânimo com certas atividades te indica que talvez não devesse estar ali. Talvez um pessimismo em relação à uma pessoa te mostra que deve se afastar dela. Enfim....
  O maior perigo é em relação a sentimentos que dão prazer, porque diferente de alguns, como a tristeza, te levam a um êxtase que te joga de volta a caverna. Sentimentos como a tristeza, levam qualquer um à uma reflexão. Mesmo que alguns durante isso buscarem uma realidade confortável pra viver, outros conseguem crescer e continuar. O segundo caso é raro, sendo seguidos apenas por quem é honesto consigo. E os sentimentos prazerosos dão a sensação de que tudo está certo. Tornam o mundo num paraíso dogmático e ideal. Fazem com que tudo se acomode, como se nada devesse mudar. Acho devemos nos esbaldar em prazer, mas devemos ter noção que lá fora, o mundo cai. A cada dia a espécie humana, por negligenciar os sentimentos, se joga ao caminho da extinção. Goze, mas lembre-se que as bombas caem lá fora...

Nenhum comentário:

Postar um comentário