domingo, 19 de janeiro de 2014

Relato 079 : A sociedade

  Eu tenho todo motivo pra dizer que “A sociedade é a minha pior inimiga”. Não é a toa. Sabe, o fato de ser trans já me faz alvo de grupos de extermínio. Andando na rua, posso acabar morta a qualquer hora. O Brasil é um país conservador, tradição derivada dos anos de ferro. Sem contar dos grupos nazistas que se espalham por todo país, sendo mais concentrados no sul e sudeste. Apenas por ser trans, não tenho respeito algum da sociedade. Se eu me detalhar mais, como por exemplo, dizer que não creio em deus e que sou apolitica, já é motivo pra me considerar “um atentado contra a família brasileira”. Eu tenho tudo pra acabar ferrada e mesmo sem doenças, morrer cedo pelas mãos de pessoas seguidoras do pequeno Adolf.
   Mas, não vou deixar assim. Sempre vou estar preparada, já que não tenho proteção da policia, porque a policia pensa como os conservadores. Por enquanto não preciso, já que a minha aparência não reflete o que sou. E quando refletir vou estar sempre preparada, com facas e olhos abertos. A sociedade não me respeita, portanto não terá minha lealdade e respeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário