segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Me condene

  Me odeie por às vezes ver programas bobos na televisão, por escutar músicas ultrapassadas sobre assuntos que interessam a poucos, simplesmente me condene por não tornar cada ato meu um ato político. Se quiser me jogue numa masmorra por não me importar com nada, por não ligar pra conservadores e liberais, por sequer me importar com política, por não gostar de sopa, por não me importar em ser autêntica ou não, não ligar se esse texto é cliché. Se quiser pode me crucificar por ser uma apaixonada, por não aguentar um semana sem meu namorado,  por ser infantil e não gostar de ficar sozinha. Você faz isso, você se acha incrível e por isso condena tudo o que não concorda. Se tem o direito de fazer isso ? Com certeza não o tem, tudo que faz é dizer que tem isso por pagar impostos, trabalhar, estudar, ter uma relação boa com os pais, ter estabilidade econômica, viver uma vida chata e com rotina. Isso te dá esse direito? Pare de se achar com tal direito, ou vai acabar velho num asilo que seus filhos tem o prazer de pagar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário