quarta-feira, 1 de maio de 2013

O animal e o domador

   Todos somos animais, o que nos faz diferentes é que temos um domador.  Esse domador vive dentro de nós, é aquela parte que evita você por exemplo matar uma pessoa que você sente muita raiva.
   O nosso lado animal vive de instintos, nele vem a vontade de matar, de se acasalar, necessidades essenciais(tomar água , comer, respirar, etc), e o domador regula cada uma dessas vontades e ainda dele vem a parte intelectual nossa.
  Nele habita a melhor forma de achar água, de resolver o problema com aquela pessoa que você quer matar ou a melhor forma de matá-la.
  Os animais de alguma forma tem um domador interior, mas é menos inteligente que o nosso. 
  O nosso domador pensa em sobrevivência, a forma mais inteligente de sobreviver, só que o animal tem necessidades.
  O animal precisa do prazer, sem prazer o animal fica fraco e assim fica difícil sobreviver, o animal tem sentimentos quem dá a complexidade é o domador.
  Dá pra afirmar que o domador é do mundo das idéias e o animal do sensível.O animal é social graças à esse domador  porque ele "sabe" as regras do convívio social. Já o convívio social faz parte de uma melhor forma de sobreviver. A curiosidade vem em parte do animal parte domador, a parte animal talvez pelo instinto de sobrevivência (para julgar se é realmente perigoso) e o domador talvez pelo mesmo motivo só que ele guarda na memória dele (uma fruta  por exemplo "a pode ser útil mais tarde, vou guardá-la para me alimentar depois".)
  Há muita coisa ainda ser pensada sobre essa idéia, mas por enquanto ela é isso:

Domador: inteligente, racional, eficaz, pensa, tem consciência e inconsciência

Animal: vive de instintos, irracional, ineficaz, controlado pelo domador

   Atrocidades, como vinganças bem arquitetadas da ficção, talvez aconteçam porque o domador aceita a vontade de matar e aprimora ela, para um jeito mais eficaz e seguro. As leis são criadas para que não haja muitos desentendimentos entre as pessoas, quem as cria e as entende é o domador, já o animal entende apenas a lei da evolução.

  A idéia ficou meio incompleta talvez eu a melhore mais tarde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário